Quem tem direito ao cartão reforma

Em 2016, o Governo Federal lançou um novo programa intitulado “Cartão Reforma”. Desenvolvido sob o comando do presidente Michel Temer, o cartão reforma se assemelha ao programa “Minha Casa Melhor”, desenvolvido pela então presidente Dilma Rousseff.

O objetivo principal do cartão é oferecer um crédito, com valor médio de até R$ 5.000,00 para reformar casas, garantindo uma melhoria na habitação dos brasileiros de baixa renda e proporcionando assim uma maior qualidade de vida.

O benefício também tem semelhança com o Construcard da Caixa. Leia mais.

Além disso, a secretaria de Habitação do Ministério das Cidades também defende que o programa poderá trazer uma melhoria na qualidade das moradias e até na saúde de cidadãos que vivem em áreas que foram irregularmente ocupadas, mas que há anos já são considerados bairros nas grandes cidades.

Afinal, grande parte destas moradias foi construída sem planejamento, muitas vezes pelos próprios moradores e apresentam péssimas condições de estrutura e conforto. Este tipo de construção pode sofrer com umidade, mofo e outros problemas causados pelo tempo.  Por este motivo, viver nestas condições pode trazer diversos malefícios para a saúde, já que podem aumentar a proliferação de doenças respiratórias graves, como a tuberculose, por exemplo.

Quem tem direito?

O programa é voltado exclusivamente para famílias que possuam uma renda mensal de até no máximo R$ 1.800,00. O objetivo do governo é conseguir alcançar mais de 100 mil famílias, com um total de R$ 500 milhões.

Como o cartão reforma funciona?

É importante salientar que esta verba entregue pelo governo para as famílias aprovadas, não se trata de um empréstimo. O valor será totalmente doado para que estas pessoas possam finalmente contar com uma casa mais bem acabada e confortável.

Ou seja, não é preciso se preocupar com o pagamento de parcelas ou mensalidades que possam vir a ser cobradas no futuro. Dessa forma, as famílias poderão contar com uma casa reformada sem precisar gastar nenhum centavo do bolso.

Nem todas as famílias irão receber o valor máximo, tudo vai depender de uma avaliação minuciosa de cada caso. O valor médio deve ser em torno de R$ 5mil por família. Além disso, os beneficiários do cartão reforma também receberão o apoio e a consultoria de profissionais qualificados, como engenheiros e arquitetos, que indicarão quais são todas as reformas que devem ser feitas, desde a parte estrutural, até uma nova instalação elétrica ou hidráulica.

Serão beneficiadas famílias que moram em residências permanentes e próprias. A seleção das famílias e as regras do programa serão estipuladas pelos estados e cidades de todo o país e ainda não foram totalmente divulgadas. É preciso aguardar para saber de novas informações.

Informações importantes sobre o cartão

Apesar de ser uma excelente forma de melhoria das habitações e de busca por uma maior qualidade de vida, o valor entregue pelo governo federal só poderá incluir as despesas com a compra do material. Isto é, a mão de obra para a realização das alterações na casa deve ser paga pelo próprio proprietário do imóvel.

Nem todas as lojas de materiais de construção farão parte do programa, mas sim somente aquelas que estiverem cadastradas e aprovadas pela Caixa Econômica Federal, através do programa Construcard.

Quem tem direito ao cartão reforma
4.24 (84.71%) 17 votes
35

11 Responses

  1. Edna santos souza
    novembro 30, 2016
  2. Juliana genuíno Amâncio
    dezembro 6, 2016
    • colaborador
      janeiro 3, 2017
  3. maria aucirene de sa barbosa
    dezembro 14, 2016
  4. Adryanna silva
    janeiro 2, 2017
  5. Thayná do Nascimento
    janeiro 30, 2017
  6. Erivete ferreira de lima
    fevereiro 5, 2017
  7. keilla
    fevereiro 11, 2017
  8. Adriana Ribeiro
    abril 19, 2017
  9. sueli de fatima milas
    maio 23, 2017
  10. natalia bruna
    maio 23, 2017

Deixe seu comentário